Operação de Endosso

RESUMO

Neste manual você irá aprender como realizar uma operação de endosso no NetFactor. Desde o momento da digitação/importação da operação, até o envio para a Administradora do Fundo e geração de arquivo bancário.

APRESENTAÇÃO

Antes de começar a digitação/importação da operação você deve vincular o endossante no cedente entrando em ‘Cadastro – Cedente – Cadastro’, selecionando o cedente desejado e clicando em ‘Alterar’ no rodapé.

Figura 1 - Cadastro do Cedente
Figura 1 – Cadastro do Cedente

Após entrar no cadastro do cedente desejado, você deve expandir a parte de ‘Parâmetros de Operação’.

Figura 2 - Parâmetros de Operação
Figura 2 – Parâmetros de Operação

Nos Parâmetros de Operação teremos o quadrante ‘Endossante’. Neste quadro você deve informar o CNPJ/CPF do endossante e a sua razão social.

Se você for realizar a importação da operação via XML, o endossante também deve ser cadastrado no quadrante ‘Grupo NF-e’ para que o sistema entenda que aquele emitente faz referência a este cedente.

Figura 3 - Cadastro do Endossante e inclusão no Grupo NF-e
Figura 3 – Cadastro do Endossante e inclusão no Grupo NF-e

Após realizar estes cadastros você já pode operar. Você deve gerar a operação da maneira que desejar por digitação (‘Operação – Inclusão – Digitação’), importação de arquivo CNAB (‘Operação – Inclusão – Importação CNAB’) ou por importação de XML (‘Operação – Inclusão – Importação NF-e’).

Após feita a importação da operação você será direcionado para a tela de parâmetros da operação. Nesta tela você deve sempre informar o Endossante e temos algumas opções para serem marcadas.

A primeira opção para ser marcada é ‘Emitente da nota como Sacador Avalista’.

Figura 4 - Parâmetros de Operação - Opção Emitente da Nota
Figura 4 – Parâmetros de Operação – Opção Emitente da Nota

Com esta opção marcada após efetivar a operação, no arquivo que é gerado para envio ao Administrador do Fundo, será enviado no header do arquivo o CNPJ/CPF do endossante e no detalhe do arquivo o CNPJ do cedente da operação.

Figura 5 - Arquivo para o fundo (layout Banco Paulista)
Figura 5 – Arquivo para o fundo (layout Banco Paulista)

Já no boleto bancário emitido pelo NetFactor o endossante será emitido como Sacador Avalista do boleto.

Figura 6 - Boleto de Cobrança
Figura 6 – Boleto de Cobrança

Já o arquivo remessa gerado para envio ao banco cobrador não sofre alterações.

Temos outra opção que pode ser marcada na hora da operação nos Parâmetros de Operação. A segunda opção disponível é ‘Cedente no Detalhe do Arquivo’.

Figura 7 - Parâmetros de Operação - Opção Cedente no Detalhe
Figura 7 – Parâmetros de Operação – Opção Cedente no Detalhe

Com esta opção marcada após efetivar a operação, no arquivo que é gerado para envio ao Administrador do Fundo, será enviado no header e no detalhe do arquivo o CNPJ/CPF do endossante.

Figura 8 - Arquivo para o fundo (layout Banco Paulista)
Figura 8 – Arquivo para o fundo (layout Banco Paulista)

No boleto bancário emitido pelo NetFactor o endossante será emitido como Sacador Avalista do boleto.

Figura 9 – Boleto de Cobrança

Já no arquivo remessa gerado para envio ao banco cobrador o endossante será o terceiro beneficiário no detalhe do arquivo. Utilizamos o banco Bradesco como exemplo, para outros bancos podem mudar as posições e informações geradas.

Figura 10 - Arquivo Remessa Banco Cobrador
Figura 10 – Arquivo Remessa Banco Cobrador

Manual 09.05.01